Estes são os vencedores do Prémio Literário do Médio Tejo

Os vencedores recebem  500 euros

0 37

- Publicidade -

O livro “A Esquina do Tempo”, da autoridade Jorge Fazenda, e “Bendita Sejas” de Sónia Pereira, e “Liceu de Abrantes” do género não ficção, de Joaquim Candeias e Martinho Gaspar, foram os grandes vencedores a terceira edição do Prémio Literário do Médio Tejo.

Os ganhadores, anunciados na sexta-feira, recebem  500 euros e as suas obras são editadas pela Médio Tejo Edições em parceria com a Origami Livros, e passam a ter distribuição nacional com o lançamento na Feira do Livro de Lisboa.

As obras a concurso, segundo a Agência Lusa, têm de ser de autores naturais ou descendentes de famílias de um dos 13 concelhos do Médio Tejo, ou a residir na região há mais de um ano.

O prémio de romance foi atribuído à obra “A esquina do tempo”, de Jorge Fazenda, na categoria de Poesia foi distinguida “Bendita Sejas”, de Sónia Vieira Pereira, e na Não-ficção foi premiada a obra “Liceu de Abrantes — 50 anos de uma escola para todos”, de Joaquim Candeias da Silva e José Martinho Gaspar.

Segundo a editora, o Prémio Literário do Médio Tejo tem como objetivo promover talentos regionais, tendo os trabalhos a concurso de ser inéditos.

Com Agência Lusa

- Publicidade -

- Publicidade -

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.