A mensagem comovente da irmã do Padre Mário Duarte

0
- Publicidade -
TomarTV

Leia na integra a mensagem deixada pela irmã, Lurdes Duarte na rede social Facebook.

“É com muita dor, tristeza, mágoa por ter perdido para Deus o irmão que tanto amo que vou deixar esta mensagem.
A saudade do irmão que me protegeu desde pequenina, com 15 meses a mais que eu.
Foi lindo ouvir a minha mãe, dizer-nos que o meu irmão quando ia a casa de alguém e lhe davam uma bolacha pedia outra para a menina dele que estava em casa, crianças, mas sempre protetor, o que lhe davam tinha de ser para os dois, lindo de mais.
Realmente a vida não espera por nós, é triste.
A vida vem em forma de furação, derrama todas as nossas esperanças e certezas e obriga-nos a entregar-lhe todas as armas.
Quando damos por nós, a vida levou-nos quase tudo e não esperou.
Não esperou que escolhêssemos as palavras certas.
A vida não espera pelas nossas boas intenções, não respeita os nossos sonhos nem as nossas vontades.
A vida não espera por nós porque tem muita pressa, pressa de nos surpreender, de nos tirar do lugar que é achamos que é nosso.
A vida tem pressa e a culpa é nossa, estamos sempre atrasados.
Esperamos sempre mais um dia, mais uma semana, mais um mês, para fazer o bem ou apenas para ser feliz.
Esperamos um ano para fazermos o que devíamos ter feito no ano anterior.
Quero apenas dizer a cada um de vós ,vivam a vida em cada dia, aproveitem cada minuto, porque somos instantes, e num instante, não somos nada.
Quero agradecer a toda a imensa multidão de fiéis, que virem fazer a última homenagem ao meu querido irmão e agradecer todas as orações durante os piores 35 dias da minha vida.
Sei que o meu Anjo já no Céu tudo fez para que nada corresse mal.🙏
Obrigada a família Comunidade, lá do Céu ele está a olhar por nós 🙏
Um agradecimento especial a toda a equipa dos Cuidados Intensivos de Abrantes, que tudo fizeram para salvar o meu irmão 🙏
Obrigada por nos terem dado duas vezes a oportunidade de ver o meu irmão já em coma
Obrigada aos Médicos, Enfermeiros e Auxiliares que sempre se disponibilizaram para nos atender, sempre nos foi dada toda a informação, de que tudo poderia acontecer, era preciso estarmos preparados para o pior, para que viesse o melhor
Obrigada 🙏
Obrigada ao Sr. Bispo D. José Traquina
Obrigada ao Sr. Bispo Emérito D. Manuel
Obrigada a todos os Padres e Diáconos que estiveram presentes, e aqueles que não foi possível chegar.
Obrigada Sr. Padre Rui, Sr. Padre Maurício, Sr. Padre Sérgio, Sr. Padre Francisco pelo carinho e apoio que me deram durante os 35 dias, sofremos juntos 🙏🙏
Obrigada Bruno e Ricardo pelo carinho e o apoio que me deram durante todo o dia .
Obrigada padre Simão Pedro pela ajuda, e apoio na saída da igreja.
Agradeço a presença na última homenagem ao meu querido irmão de todas as Entidades Tomarenses, não é preciso citar nomes porque posso esquecer de algum nome, foram todas .
Agradeço a quem preparou a igreja e todas as Cerimónias, tudo estava perfeito, o meu irmão lá do Céu deve ter ficado orgulhoso de todos vós.
O meu maior obrigada é para o meu irmão, pelos 60 anos que tive o privilégio de o ter quase sempre perto de mim.
O irmão que tudo deixava para me ouvir, aconselhar .
O melhor irmão que alguém pode ter, um Sacerdote 🙏, eu tenho um orgulho imenso por ser sua irmã .
O irmão com um coração de ouro, um coração de Fé, era divino, foi por isso que Deus o levou, já tinha levado o pai com 51 anos, porque o pai era um Anjo tal como o Mário, iguais o mesmo coração, a mesma FÉ, dois Santos.🙏🙏
Já foi há 32 anos e eu continuo com a mesma saudade do meu pai.🙏
E agora tenho tanta saudade do meu querido irmão.
Não consigo entender como aconteceu, mas sei que do Céu, o meu irmão juntamente com o pai me ajudaram a erguer de novo .

Obrigada aos paroquianos pelo amor que dedicaram ao meu querido irmão nestes 25 anos que esteve ao vosso dispor 🙏🏼
A ti meu grande amor, obrigada e até já”.

Lurdes Duarte

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here