Tomar está há procura de enfermeiros

0
- Publicidade -
TomarTV

Imagem: Tomar na Rede

O Centro Hospitalar de Tomar abriu concurso para a admissão de enfermeiros. O concurso abrange os hospitais de Tomar e Torres Novas.

Reproduzimos a comunicação da CHMT e do SNS.

“Torna-se público que se encontra aberto Procedimento Concursal para constituição de reserva de recrutamento de
Enfermeiros, tendo em vista o preenchimento das necessidades que se verificarem no CHMT, E.P.E., para a categoria de
Enfermeiro da Carreira de Enfermagem.

- Publicidade -

1. Identificação e caraterização dos postos de trabalho: O conteúdo funcional para a categoria de Enfermeiro é o
constante do artigo 9.º do Decreto-Lei n.º 247/2009, de 22 de setembro, alterado pelo artigo 2.º do Decreto-Lei
n.º 71/2019, de 27 de maio.

2. Local de Trabalho: Centro Hospitalar do Médio Tejo, E.P.E., constituído pelas Unidades de Torres Novas, Abrantes
e Tomar.

3. Vínculo Contratual: Contrato Individual de Trabalho Sem Termo ou a Termo Resolutivo, nos termos da Lei n.º
7/2009, de 12 de fevereiro, que aprova o Código do Trabalho.

4. Carga Horária: 35 horas semanais, em regime de trabalho por turnos.

5. Remuneração Mensal: 1.201,48€.

6. Prazo para apresentação de candidaturas: Dez dias úteis a contar do dia seguinte ao da publicação do presente
anúncio (05-03-2020)

7. Formalização de candidaturas: Os interessados deverão apresentar a sua candidatura exclusivamente por correio
eletrónico para: recrutamento2@chmt.min-saude.pt, identificando obrigatoriamente o Procedimento Concursal
e a respetiva referência.

8. Documentação exigida para admissão: Deverá ser apresentado requerimento onde conste nome, idade,
residência e telemóvel, acompanhado, sob pena de exclusão, dos seguintes documentos:
a) Curriculum Vitae, elaborado em formato modelo europeu;
b) Diploma/Certificado de Licenciatura em Enfermagem, onde conste classificação final atribuída;
c) Cédula Profissional emitida pela Ordem dos Enfermeiros ou documento comprovativo de inscrição na
referida Ordem, onde conste o número de membro e data de validade.
A não indicação expressa, no Curriculum Vitae, de elementos relevantes no âmbito da avaliação curricular implica
a sua não valoração. As falsas declarações implicam a exclusão do presente Procedimento Concursal.

9. Métodos de seleção: Os métodos de seleção a aplicar serão a avaliação curricular e a entrevista profissional.

10. Critérios de seleção:

10.1. Avaliação Curricular: A classificação da avaliação curricular será expressa na escala de 0 a 20 valores, através
da aplicação da seguinte fórmula:
AC = HA+EP+FP
AC – Avaliação Curricular
HA – Habilitações Académicas
EP – Experiência Profissional
FP – Formação Profissional
Página 2 de 3

10.1.1. Habilitações Académicas: A pontuação máxima é de 6 valores, distribuídos de acordo com os
seguintes parâmetros: nota de licenciatura em Enfermagem ou equivalente legal e ensinos clínicos
realizados.

10.1.2. Experiência Profissional: A pontuação máxima é de 8 valores, tendo por base a contagem de tempo
de serviço em meses.

10.1.3. Formação Profissional: A pontuação máxima é de 6 valores, distribuídos de acordo com os seguintes
parâmetros: Pós Licenciatura de Especialização em Enfermagem; Mestrado na Área da Saúde;
Doutoramento na Área da Saúde; Pós Graduações na Área da Enfermagem; Competências
acrescidas pela Ordem dos Enfermeiros; Cursos ou ações de formação profissional, com interesse
para os cuidados de Enfermagem superiores a 14 horas; Suporte Básico de Vida; Suporte Imediato
de Vida; Suporte Avançado de Vida; CIPE; SClínico; SCD/E e/ou Triagem de Manchester; Controlo de
Infeção com carga horária superior a 4 horas. Os certificados em que não seja expresso o número
de horas não serão considerados.

10.2. Entrevista Profissional: A classificação da entrevista profissional será expressa na escala de 0 a 20 valores,
através da aplicação da seguinte fórmula:
EP = OC + SD + PCI + DD+ DE + PQCE + EL + VI + CC
EP – Entrevista Profissional
OC – Organização dos Cuidados
SD – Segurança do Doente
PCI – Prevenção e Controlo de Infeção
DD – Direitos do Doente
DE – Deveres do Enfermeiro
PQCE – Padrões de Qualidade dos Cuidados de Enfermagem
EL – Enquadramento Legal
VI – Valores da Instituição
CC – Competências Comportamentais
O conjunto dos parâmetros OC + SD + PCI + DD+ DE + PQCE + EL + VI terá uma pontuação máxima de 14 valores e
o parâmetro CC uma pontuação máxima de 6 valores.
Os candidatos admitidos para a realização de entrevista profissional serão contactados telefonicamente para
agendamento da mesma, podendo, em casos pontuais, ser realizado o agendamento por correio eletrónico.
As Entrevistas Profissionais serão de caráter presencial exclusivo, pelo que a não comparência no dia, hora e local
previsto para a realização da entrevista profissional corresponderá à exclusão do candidato do presente
Procedimento Concursal.
A remarcação de Entrevista apenas será possível mediante a apresentação de declaração médica de incapacidade
temporária para o efeito, a remeter até 3 dias úteis após a data da ausência, para o correio eletrónico
recrutamento2@chmt.min-saude.pt.
10.3. Classificação Final: A classificação final será expressa na escala de 0 a 20 valores, através da aplicação da
seguinte fórmula:
CF = (ACx40%)+(EPx60%)
CF – Classificação Final
AC – Avaliação Curricular
EP – Entrevista Profissional
Página 3 de 3
10.4 Critérios de Desempate: Em caso de igualdade na classificação final obtida, os critérios de desempate a aplicar
serão os seguintes:
– Tempo de experiência profissional na área de Enfermagem;
– Experiência profissional em áreas prioritárias no CHMT, E.P.E., designadamente: Urgência, Nefrologia/Diálise,
Bloco Operatório, Unidade de Cuidados Intensivos.
11. Publicitação: As listas de candidatos admitidos e excluídos e lista unitária de ordenação final serão publicadas, por
ordem decrescente de classificação, na página da internet do CHMT, E.P.E.: www.chmt.min-saude.pt.
12. Prazo de validade: 12 meses contados da constituição da presente reserva de recrutamento, prorrogável por seis
meses, até ao limite máximo de 18 meses.
13. Composição do Júri:
– Presidente:
Enfª Ângela Maria Cordeiro Lopes – Coordenadora do Departamento de Urgência do CHMT, E.P.E.
– Vogais Efetivos:
Enfª Telma Sofia Vieira da Silva – Enfermeira Responsável da Medicina II do CHMT, E.P.E.
Enfª Cláudia Marisa Vieira Neves – Enfermeira do Serviço de Pneumologia do CHMT, E.P.E.
Os dados pessoais enviados pelos candidatos no âmbito do presente Procedimento Concursal, serão tratados de forma
lícita e limitada à finalidade para a qual foram recolhidos, nomeadamente a validação e avaliação dos candidatos. Os dados
pessoais enviados serão conservados pelo tempo exclusivamente necessário à conclusão do Procedimento Concursal,
sendo eliminados no momento em que o mesmo termine, exceto quando sejam necessários para a prossecução de atributo
legal.
Centro Hospitalar do Médio Tejo, E.P.E., 19 de fevereiro de 2020”

Saiba mais aqui. 

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here