ATENÇÃO: Coronavírus. O que fazer?

0
- Publicidade -
TomarTV

Já morreram duas pessoas infetadas pelo Coronavírus. Fique a saber tudo sobre o virus que está a assustar o mundo.

Quais são os sinais e sintomas?

Os sintomas são semelhantes a uma gripe, como por exemplo:

  • febre
  • tosse
  • falta de ar (dificuldade respiratória)
  • cansaço

Em casos mais graves pode evoluir para pneumonia grave com insuficiência respiratória aguda, falência renal e, até mesmo, levar à morte.

Qual é o período de incubação?

O período de incubação (até ao aparecimento de sintomas) situa-se entre 2 a 14 dias, segundo as última informações publicadas.

- Publicidade -

Como se transmite?

As formas de transmissão ainda estão em investigação pelas autoridades internacionais. A transmissão de pessoa a pessoa foi confirmada e, geralmente, ocorre após o contacto próximo a um doente infetado.

Os animais domésticos podem transmitir o COVID-19?

Não. De acordo com informação da Organização Mundial da Saúde, não há evidência de que os animais domésticos, tais como cães e gatos, tenham sido infetados e que, consequentemente, possam transmitir o COVID-19.

Em que países é que se detetaram pessoas infetadas?

Segundo os últimos dados disponibilizados pelo Centro Europeu de Prevenção e Controlo de Doenças os países onde foram reportados casos confirmados são:

  • Ásia:
    • China
    • Tailândia
    • Japão
    • Coreia do Sul
    • Singapura
    • Vietname
    • Nepal
    • Malásia
    • Ski Lanka
    • Cambodja
    • Emirados Árabes Unidos
    • Filipinas
    • Índia
  • Europa
    • França
    • Alemanha
    • Finlândia
    • Itália
    • Reino Unido
    • Rússia
    • Espanha
    • Suécia
    • Bélgica
  • América
    • Canadá
    • Estados Unidos da América
  • Oceânia
    • Austrália
  • África
    • Egipto

Qual é o tratamento?

O tratamento para o COVID-19 é dirigido aos sinais e sintomas que os doentes apresentam.

Os antibióticos são eficazes na prevenção e no tratamento do COVID-19?

Não, os antibióticos não são efetivos contra vírus, apenas bactérias. O COVID-19 é uma doença provocada por um vírus e, como tal, os antibióticos não devem ser usados para a sua prevenção ou tratamento. Não terá resultado e poderá contribuir para o aumento das resistências a antibióticos.

Já aconteceu algum surto com coronavírus em anos anteriores?

Sim. Em anos anteriores foram identificados alguns coronavírus que provocaram surtos e infeções respiratórias graves em humanos. Exemplos disto foram:

  • entre 2002 e 2003 a síndrome respiratória aguda grave (infeção provocada pelo coronavírus SARS-CoV)
  • em 2012 a síndrome respiratória do Médio Oriente (infeção provocada pelo coronavírus MERS-CoV)

Existe vacina para o COVID-19?

Não. Sendo um vírus recente, as investigações ainda estão em curso.

Portugal está preparado para responder a um caso confirmado de COVID-19?

Sim. São várias as medidas que estão implementas e/ou a ser desenvolvidas:

Como se preparou o SNS 24 para responder ao surto do COVID-19?

Para responder ao surto deste coronavírus, o SNS 24 preparou-se a diferentes níveis:

  • Serviço de Triagem:
    • os algoritmos de triagem clínica foram atualizados para assegurarem um despiste adequado dos casos suspeitos de infeção por este novo coronavírus
    • sempre que necessário são ativados os mecanismos de resposta de casos suspeitos, através do contacto com a linha de apoio ao médico da Direção-Geral da Saúde, onde se encontram médicos que validam, ou não, o caso suspeito
    • em caso de validação do caso suspeito, são seguidas as orientações emitidas pela Direção-Geral da Saúde, nomeadamente, ao nível do transporte, isolamento e diagnóstico do doente
  • Serviço Informativo:
    • o SNS 24 (808 24 24 24) tem disponíveis conteúdos informativos, validados pela Direção-Geral da Saúde e em coerência com as autoridades internacionais, para esclarecerem a população

 

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here