- Publicidade -

Iniciativa do Agrupamento Templários surpreende alunos e professores no regresso à escola

Alunos foram surpreendidos no regresso à escola.

0 190

- Publicidade -

Aconteceu na passada segunda-feira e prolonga-se durante esta semana, uma iniciativa no Agrupamento de Escolas Templários que pretende tornar o regresso à escola mais feliz e animado.

A iniciativa partiu do Plano de desenvolvimento pessoal, social e comunitário – medida 2 em articulação com o serviço de psicologia e orientação. Envolvidas neste projeto estão Sónia Pereira, técnica do plano, e as psicólogas Ana Margarida Laborinho e Florbela Gabriela.

Estivemos à conversa com Sónia Pereira sobre esta iniciativa que nos explicou que “Eu em articulação com as colegas que são psicólogas, desenvolvemos atividades para dar as boas vindas aos professores e alunos, porque seria importante depois do tempo de confinamento e isolamento que todos chegássemos à escola e que não ficássemos tristes. Tornar o dia e receção mais felizes, para que os alunos tivessem mais animo e animação no regresso às aulas”.

Sónia admite que é “Muito importante que os alunos venham felizes e se sintam felizes”, para isso “Distribuímos nas escolas Gualdim Pais, Santa Iria e Jácome, na entrada de cada portão, marcadores de livros diferente, dois marcadores, um para alunos, outro para professores, à medida que iam distribuindo davam as boas vindas e estavam acompanhados de música (VOA QUINTA DO BILL, ASSOBIA PARA O LADO, entre outras), músicas felizes e jovens. Os alunos entravam e quando chegavam à sala o professor tinha na sua secretaria um copo com a mensagem: “Querido professor que este seja um regresso feliz”. Além da mensagem, os professores tinham também um desafio para fazerem com os alunos (sugerir aos alunos que escrevessem o que estavam a sentir neste regresso às aulas, havia uma cartolina em cada sala), o mesmo para salas de professores e direção. Uma mensagem em cada uma das portas das salas de aula, um pensamento de algum autor. Na direção tinham uma quadra a dar boas vindas”.

Os alunos foram logo surpreendidos no regresso com uma mensagem no gradeamento da escola: “Todas as escolas tinham uma faixa no gradeamento cada uma com uma mensagem diferente. Também no primeiro ciclo, deixaram em cada uma das mesas um marcador alusivo, cada escola tinha coisas diferentes e vasos com flores na secretária dos professores.”

Por último, Sónia Pereira, professora e técnica do plano, revelou-nos que “Os objetivos desta iniciativa são criar dinamismo no agrupamento, ter pessoas felizes, dar motivação aos alunos que, depois de tanto tempo isolados têm agora de voltar à escola. Os alunos ficaram muito surpreendidos e satisfeitos.”

- Publicidade -

- Publicidade -

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.