ÚLTIMA HORA: Grupo suspeito de sequestro e incêndio apanhado pela PJ

0
- Publicidade -
TomarTV
A PJ de Leiria desenvolveu uma operação de buscas e detenções pelos supostos crimes de roubo e outros crimes conexos, como incêndio de viaturas, sequestros, falsificação de matrícula de viaturas, ocorridos entre dezembro de 2018 e março de 2019, nas áreas de Torres Novas, Rio Maior, Peniche, Caldas da Rainha, Batalha e Lourinhã.

O objetivo era assaltar postos de combustível, viaturas de transporte de tabaco,l e residências.

A PJ já revelou que «usaram armas de fogo, existindo vários casos em que foram efetuados disparos, indiscriminadamente e com elevado risco para a integridade física das vítimas, num quadro de grande violência, também, através de agressões físicas». A operação desencadeada envolveu «a realização de 27 buscas domiciliárias e 18 não domiciliárias, que incidiram nas zonas de Peniche, Nelas, Guarda, Torres Novas e Alenquer, e contou com a colaboração da Diretoria do Centro, dos Departamentos de Investigação Criminal de Aveiro e da Guarda da Polícia Judiciária, da Guarda Nacional Republicana de Mangualde e Nelas e da Polícia de Segurança Pública de Torres Novas e de Peniche».

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here