Tomar. Mulher quer indemnização milionária pela disfunção sexual do marido

0
- Publicidade -

Em causa está um pedido de indemnização de 120 mil euros.

O acidente ocorreu há cerca de 6 anos mas só agora é que a mulher reclamada em tribunal. De acordo com o jornal “O Mirante” uma mulher tomarense luta agora através da justiça penos danos causados ao marido num desastre em Ourém.

O Tribunal da relação de Évora fixou a indeminização em 15 mil euros, já a seguradora afirma que o valor é exagerado.

Em causa está a incapacidade sexual do marido depois do acidente, o que impossibilitou o casal de ter filhos.

Ainda de acordo com o jornal regional o advogado da vítima alega que “a vida sexual não é traduzível em euros. Mesmo em muitos milhares deles. Não tem preço. Privada dela, e não só, esta mulher ficou privada também de viver o sexo em toda a sua dimensão. É uma mulher mutilada. A sexualidade não é um pecado, nem um vício. É uma função vital do Homem. Indispensável ao seu equilíbrio físico e emocional”.

 

 

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here