Abrantes. Central termoelétrica do Pego no ranking das empresas mais poluidoras do país

0
- Publicidade -
TomarTV

Centrais termoelétricas de Sines e Pego lideram o ranking publicado pela associação ZERO.

Com base nos relatórios oficiais do Comércio Europeu de Licenças de Emissão, relativos a 2015, a associação ZERO publicou hoje um ranking das cinco empresas e sectores mais poluentes, chegando à conclusão que uma grande percentagem das emissões de gases com efeito de estufa provém do sector rodoviário e electricidade (46%).

O ranking é liderado pela Central termoelétrica de Sines, seguida pela central do Pego, em Abrantes, cuja exploração é levada a cabo pela Tejo Energia. Ambas as centrais produzem energia através da queima de Carvão.

Só a Central de Sines — gerida pela EDP — é responsável por mais de 13% das emissões de gases com efeito de estufa emitidas por Portugal. Em Abrantes, o nível de poluição emitido pela Central é menor. No entanto, mantém-se acima dos 5%.

- Publicidade -

A ZERO assinala que as instalações de Abrantes têm mecanismos para remoção de grande parte dos poluentes atmosféricos, mas não o conseguem devido às emissões de dióxido de carbono.

Em entrevista à TSF, o presidente da associação ambientalista, Francisco Ferreira, afirma que as centrais de Sines e do Pego emitem três vezes mais dióxido de carbono que uma central que use gás natural.

Conheça aqui o ranking das empresas mais poluidoras do país:
1 – EDP, Central Termoeléctrica de Sines: 13,5%
2 – Tejo Energia, que gere a Central Termoeléctrica do Pego: 5,6%
3 – Petrogal, Refinaria de Sines: 3,9%
4 – Cimpor, Centro de Produção de Alhandra: 2%
5 – TAP: 1,8%

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here