Santarém tem 28 mil beneficiários da Tarifa Social de Eletricidade

0
- Publicidade -
TomarTV

Em Tomar, mais de 2 mil pessoas recebem este apoio

Com a chegada das faturas no início de Agosto, começam-se a sentir os efeitos da atribuição automática da Tarifa Social de Eletricidade aos consumidores economicamente mais vulneráveis, que entrou em vigor a 1 de julho deste ano. Estes descontos representam cerca de 33,8% na eletricidade e cerca de 31,2% no gás natural e resultam de despachos do Secretário de Estado da Energia, Jorge Seguro Sanches.

No distrito de Santarém existem atualmente 28.034 beneficiários da tarifa social de energia elétrica. O concelho com maior representatividade é Ourém, com 3. 846 beneficiários, ao passo que Sardoal detém 231 beneficiários, o menor número de consumidores nestas condições.

Encontram-se assim abrangidos os clientes individuais que integrem um agregado familiar, cujo rendimento total anual seja igual ou inferior a 5.808 euros, acrescido de 50% por cada elemento adicional, até um máximo de 10 pessoas ou beneficiários de prestações sociais.

- Publicidade -

A nível nacional, o total previsto de beneficiários abrangidos pela tarifa social é superior a 630 mil. No final de 2015 este número rondava apenas 108.300.

Até à entrada em vigor do atual Orçamento de Estado, o modelo inicial da tarifa social obrigava os potenciais candidatos a dirigir-se aos comercializadores de eletricidade para obterem este benefício. O automatismo é assegurado através do cruzamento de informação entre comercializadores, Direção-Geral de Energia e Geologia, Segurança Social e Autoridade Tributária.

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here