Última Hora. Miguel Relvas perdeu a licenciatura

0
- Publicidade -
TomarTV

O grau de licenciatura do ex-ministro foi considerado nulo.

O antigo presidente da assembleia municipal de Tomar Miguel Relvas, ex-ministro dos Assuntos Parlamentares do Governo de Pedro Passos Coelho, viu a licenciatura, atribuída pela universidade Lusófona de Lisboa, ser-lhe considerada nula pelo Tribunal Administrativo do Círculo de Lisboa.

O despacho de dezembro de 2012 — no qual teria sido validada a avaliação do ex-ministro a uma cadeira — emitido pela reitoria desta instituição de ensino, foi anulado esta quarta-feira.

Após a análise de todo o percurso académico de Relvas, o tribunal concluiu que existiam duas cadeiras (às quais o tomarense teve aprovação) que já não constavam do plano de estudos do seu curso (Ciência Política e Relações Internacionais) no ano em que o tirou, o que motivou a juíza responsável a anular a aprovação académica de Miguel Relvas, considerando que foi favorecido em relação aos restantes colegas.

- Publicidade -

Miguel Relvas havia concluído a licenciatura completando apenas quatro das 36 cadeiras do plano de estudos, às quais recebeu equivalências.

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here