Showcooking Endógenos na Feira Nacional dos Frutos Secos em Torres Novas

0
Festival do Ouriço do Mar . Eriçeira , 11 de Abril de 2015
- Publicidade -
TomarTV

O Projeto Endògenos, iniciativa que promove experiências gastronómicas com o objetivo de preservar, dignificar e valorizar os produtos autóctones Portugueses, provenientes da terra e mar, e suas origens, vai estar presente com sessões de showcooking na 30ª edição da Feira Nacional dos Frutos Secos em Torres Novas.

 

Integrada no programa oficial do certame, que se realiza de 8 a 11 Outubro na Praça 5 de Outubro, Torres Novas, a iniciativa Endògenos consta de duas ações de showcooking a cargo do Chef António Alexandre, chefe executivo do Lisboa Marriott Hotel e co-mentor do projeto a par do consultor de marketing gastronómico Nuno Nobre, que irá valorizar diversos produtos torrejanos, como os frutos secos, figo preto autóctone da região, figo pingo de mel e noz, entre outros.

 

- Publicidade -

Objetivo da iniciativa é dotar o público em geral, produtores e restauração em particular, de informação, formas e técnicas de utilização e confeção dos produtos autóctones locais numa cozinha prática e contemporânea.

 

Entre os produtos torrejanos alvo, nomeie-se o Figo Preto de Torres Novas (em passa ou fresco); Folha de figueira (para aromatizar); Figo Pingo de Mel em calda (tipo ameixa de Elvas); Miolo de noz e de amêndoa; Passa de uva “Fernão Pires” (c/ grainha); e outras frutas desidratadas (ameixa, damasco e outros).

 

Quando se fala de Torres Novas, há que não esquecer os vinhos (Encosta do Vale Galego e Alveirão), as carnes, as Laranjas do Pafarrão, Licores, Aguardente de Figo Preto, Mel e produtos de colmeia, Azeite da variedade “Lentrisca” e Ervas aromáticas da Serra de Aire.

 

Na gastronomia, sobressaem alguns pratos, como morcela de arroz, cabrito, enguias fritas, grelhadas e de ensopado, migas à Manuel Pescador e sopa de fressura, requentada com petingas fritas. Na doçaria: bolos de cabeça, bolos de figo seco, pastéis de feijão, merendeiras de Lapas, broas de mel e amêndoas, palitos de Torres Novas, doce de amêndoa e doce de figo.

 

A Feira Nacional dos Frutos Secos, este ano com entrada gratuita, regressa ao centro histórico de Torres Novas na sua 30.ª edição, certame, a que se junta a 24.ª edição da Feira Internacional dos Frutos Secos e a 13.ª Feira do Figo Preto, produto de identidade local com vários anos de tradição no concelho de Torres Novas, tem como objetivo principal dinamizar e dignificar o setor dos frutos secos e passados, a preservação dos saberes e sabores associados aos frutos secos, com principal destaque para a tradição, cultura e património torrejanos.

 

No recinto haverá espaços dedicados aos frutos secos, artesanato, bens alimentares e muita animação. Para mais informação sobre a 30.ª Feira Nacional dos Frutos Secos visite: http://cm-torresnovas.pt/index.php/visitar-2/feiras-eventos/290-fnfs

 

O projeto Endògenos tem como próxima iniciativa a presença em Ponta Delgada pelo segundo ano consecutivo, no certame Wine Azores, entre 16 e 18 de Outubro, igualmente com o Chef António Alexandre.

 

Depois de organizar o Festival internacional do Ouriço-do-mar na Ericeira, em Abril deste ano, o Endógenos avança também com a produção do X Festival do Marisco de Ribamar, concelho de Mafra, entre 23 de Outubro a 1 Novembro, com a valorização do Cidrão, no final do ano, no Mosteiro de Tibães, entre outros eventos gastronómicos.

 

O Projeto Endògenos é um conceito e espaço aberto para acolhimento de produtores, cozinheiros, restaurantes, hotéis e outros profissionais da área gastronómica, que se dediquem a promover e valorizar produtos autóctones lusos e com o objetivo de complementar a atuação do projeto. Para mais informação visite: www.facebook.com/endogenos

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here