“Uma Floresta de Enganos” na Vila Medieval de Ourém

0
- Publicidade -
TomarTV

No próximo sábado, dia 25 de julho, o Torreão do Castelo de Ourém vai ser palco do espetáculo de teatro “Uma Floresta de Enganos”. O texto de Hélder Costa sobre a vida e obra de Gil Vicente vai ser apresentado pela Oficina de Teatro Canto Firme, num espetáculo com entrada livre.

“Uma Floresta de Enganos” contempla pequenos extratos dos vários autos escritos por Gil Vicente, como o Monólogo do Vaqueiro, o Auto Pastoril, o Auto da Alma, o Auto da Índia, o Auto da Barca do Inferno, a Farsa de Inês Pereira, o Auto da Lusitânia (todo mundo e ninguém), a Comédia de Rubena, o Auto das Fadas e o Auto da Mofina Mendes. A peça aponta como aspetos positivos a imaginação e originalidade evidenciando o sentido dramático e o conhecimento das problemáticas do teatro português. O uso da linguagem Vicentina é o principal elemento de produção de efeitos cómicos, ao incorporar trocadilhos, ditos populares e expressões caraterísticas de cada classe social.

O espetáculo “Uma Floresta de Enganos” terá início pelas 21h30 num espaço privilegiado como o Torreão do Castelo, em plena Vila Medieval de Ourém. Para esclarecimento de dúvidas ou mais informações poderá contactar o Museu Municipal de Ourém, de terça a domingo entre as 09h00 e as 13h00 e as 14h00 às 18h00, ou pelo telefone 249 540 900 (ext. 6831) e 919 585 003 e pelo e-mail museu@mail.cm-ourem.pt

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here