Câmara de Santarém não tem habitações sociais para atribuir

0
- Publicidade -
TomarTV

No surgimento de um pedido desesperado de uma cidadã na última reunião de Câmara.

A Vice-Presidente da Câmara Municipal de Santarém, Susana Pita Soares, revelou na última reunião de câmara que o município não tem casas de habitação social disponíveis para atribuir a famílias carenciadas. Estas declarações vieram a propósito da intervenção de uma cidadã, moradora na cidade que, durante o período destinado à intervenção do público, pediu desesperadamente por uma solução. No entanto, a resposta da Câmara escalabitana foi negativa.

Segundo apurado, a mulher alegou não ter rendimentos que lhe permitam pagar a renda da casa que habita e que, por essa razão, está ameaçada com uma ordem de despejo, correndo também o risco de lhe ser retirado o filho menor a mando da Comissão de Protecção de Crianças e Jovens (CPCJ).

A cidadã de Santarém acrescentou que “vive actualmente sem água e luz por não ter dinheiro para pagar as facturas desses serviços”, concluindo que já está há um ano inscrita para a obtenção de habitação social, garantindo que “na zona onde vive há três casas da câmara vazias”.

- Publicidade -

Neste momento, a Vice-Presidente Susana Pita Soares possui o pelouro da Ação Social e garante que não existem casas sociais com condições de salubridade (higiene) disponíveis para atribuir, acrescentando que “a lista de candidatos a habitações do município é extensa”.

“A Câmara de Santarém não tem meios próprios para lhe dar resposta neste momento”, disse a autarca, garantindo ainda que a CPCJ iria ser contactada pelo município acerca deste caso.

Fotografia: “O Ribatejo”

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here